27 de May, 2024
ASSALTO violento a moradia em Alvide revela novo “modus operandi”
Atualidade Segurança

ASSALTO violento a moradia em Alvide revela novo “modus operandi”

Abr 10, 2024

Por Redação | 16h28

O assalto noturno a uma moradia, em Alvide, Alcabideche, esta terça-feira e durante o qual o casal de locatários foi feito refém, veio revelar um novo “modus operandi” dos gangs para conseguirem entrar nas habitações pela calada da noite.

Os quatro assaltantes, dois deles armados com armas de fogo e um outro com uma arma branca, introduziram-se no logradouro da moradia pouco antes das duas horas da manhã, e fizeram tanto barulho que atraíram o casal locatário ao exterior.

Foi nessa altura, que o quarteto neutralizou as vítimas, obrigando-o a entrar na habitação e acabando por o amarrar e amordaçar, enquanto vasculhavam em busca de valores.

Acabaram por roubar uma coleção de armas de caça, que estava num cofre, dinheiro e jóias, calculando-se que o montante do roubo possa ascender a largos milhares de euros, segundo avança o CM.

A GNR de Alcabideche foi acionada pelo casal, que deu o alerta depois de conseguir libertar-se.

A investigação a mais este assalto violento noturno no concelho de Cascais, com recurso a uma nova técnica, está a cargo da Brigada Antirroubo da Polícia Judiciária (PJ) de Lisboa e Vale do Tejo.

A propósito de este novo “modus operandi”, os comentadores do programa Análise Criminal do programa “Casa Feliz” da SIC alertaram esta quarta-feira para a necessidade de, em caso de ruídos estranhos junto às habitações, os moradores manterem-se no interior e chamarem de imediato a força de segurança pública da área.

Deixe o seu Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *